Pierre Omidyar, o Darth Vader de Sérgio Moro e financiador da Vaza-Jato

ebay-pierreomidyar-glenngreenwald

Pierre Omidyar, o Darth Vader de Sérgio Moro e financiador da Vaza-Jato é visto pelas autoridades americanas – não sem razão – como um cidadão perigoso, muito mais preocupado em disputar com Bezos e Soros o papel de Puppet Master Nº 1 da política internacional, do que em expandir legalmente seus tentáculos no e-commerce.

Pierre Omidyar, o dono do eBay, acionista do Paypal, Craigslist e diversas outras empresas onde o prime business é coletar informações do consumidor, da sociedade em geral e principalmente de autoridades para benefício próprio.

Pierre Omidyar
Pierre Omidyar

Omidyar possui uma extensa lista de crimes que vão de compra de armas para as FARC, doar mais de 2.6 milhões de euros a revolucionários neo-nazistas ucranianos, bancar a eleição de genocidas na África, de um infame chamado Narendra Modi, o ultranacionalista, racista e defensor de estupradores na India.

Em troca, Omidyar ganhou um gabinete no Parlamento Indiano com a nomeação de seu homem de confiança no eBay: Jayant Sinha. Hoje, Omidyar fatura na India, cerca de 1.4 bilhão de dólares anuais, dominando 80% do e-commerce e serviços de tecnologia terceirizados dos Estados Unidos.

Além do lucro e praticamente reserva de mercado enquanto Narendra Modi estiver no poder, Pierre Omidyar, o mecenas do The Intercept, pagador das contas de Edward Snowden e que garantiu a segurança do hacker da NSA, ora subornando, ora chantagenado autoridades, é o mesmo mandante de crimes que viraram o Brasil de cabeça para baixo via imprensa esquerdopata e Glenn Greenwald.

O mandato de Jean Wyllys é pouco, Omidyar quer mais

Duvidar que Jean Wyllys teve de se desfazer de seu mandato é ingenuidade. Há quem jure que há provas cabais de que o a lhama cuspideira não teria condições de estar vivendo no luxo europeu que hoje goza, sem alguém estar pagando a conta.

David Miranda
David Miranda, esposa de Glenn Greenwald

Brasileiros que cruzaram com Jean Wyllys na França, Alemanha e Portugal afirmam que o ex-BBB vive a là Chico Buarque quando se exilou: puro luxo, puro gozo, com o otário do contribuinte brasileiro pagando parte das despesas.

Por outro lado, há quem ligue PSOL e Jean Wyllys ao caso Marielle Franco. Não é novidade que a ascensão de Marielle causava ciúmes no partido. Freixo, o Victor Frankenstein de Marielle como podia, tentava podar a moça de brilhar longe dos holofotes do PSOL.

Mas a vaga de David Miranda na Assembléia Legislativa do Rio de Janeiro não tem muito valor para Pierre Omidyar.

O fundador do eBay está acostumado a ter como aliados políticos, gente com cargos de altíssima influência a seu favor e a suas vontades. O processo da Lava Jato não será parado, e não há nada que David Miranda possa fazer: nem por competência, nem por influência política.

A última chance de Greenwald com o bolso de Pierre Omidyar

Já de conhecimento pleno, Omidyar fechou as torneiras para Glenn Greenwald após a última injeção financeira para o americano, dono do The Intercept. Os 34 milhões de dólares completaram os US$ 250 milhões projetados e deste valor, caberá a Greenwald agora ‘abrir’ o Brasil para Omidyar, como fez outros parceiros do franco-iraniano no passado: Arseniy Yatsenyuk foi atacado pelos rebeldes ucranianos financiados por Omidyar até renunciar ao poder.

Por meio de Jayant Sinha, 40 mil indianos trabalham em trabalho semi-escravo, 16 horas por dia em funções de telemarketing e helpdesk para empresas americanas a um salário de pouco mais de 230 reais. Nos Estados Unidos, além de leis trabalhistas, o salário médio destas funções são 497 dólares semanais mais benefícios e bônus de produtividade.

Sergio Moro
Sergio Moro

A lista de crimes e falta de bom senso para dizer o mínimo, é vasta, extensa. Agora cabe a Glenn Greenwald a sua última cartada antes de ser preso ou fugir: tentar derrubar Sérgio Moro. A dinheirama gasta com Folha de São Paulo, VEJA, blogs petralhas, Grupo Bandeirantes e políticos do centrão não surtiu o efeito desejado.

Hoje mesmo, a Lava-Jato trancou mais podrões. Dario Messer, o doleiro dos doleiros foi em cana. Mais de 600 pessoas ligadas ao crime da era Lulopetista também já não dormem sem Rivotril.

Resta saber o que Bolsonaro fará a respeito de Pierre Omidyar e seus tentáculos com o PT, além de políticos cooptados pelo PSOL para atacar Moro.

O que fará Jair? Planejar 2022, ou reforçar Sérgio Moro? Quanto ao The Intercept, seguirá o rumo da irrelevância que sempre teve, além dos motivos de piada e escárnio da imprensa mundial pós-farsa de Edward Snowden.

Quer saber mais?

/var/mandante.bcg room16

3 bate-bocas

  1. Pierre Omydiar é nefasto! Glenn é podre! Lava Jato 👏(mais fortalecida q nunca)vai pra cima dos 600 q estao dormindo com rivotril rsrsrs com a prisão do doleiro dos doleiros, Dario Messer … vem muito mais por aí🤣🤩. Bela Narrativa👍 Se puder fale mais sobre a Índia! Grata!🤗

  2. Onde tem PT e PSOL pode saber que tem muita sujeira. Eles só se mobilizam para soltar bandido. Trabalhar que é bom, nada. Bando de imprestaveis.

Já deu!